O Príncipe e a Aviadora
Da novela O Pequeno Príncipe

Sinopse

Um casal de irmãos distanciados pela falta de tempo da irmã atarefada com muitas coisas para fazer, vivem numa rotina onde não há tempo para nada, mesmo que seja para fazer um simples desenho. Numa noite os irmãos vão se encontrar num sonho, a irmã, assume personagens que dialogam com o irmão em busca de respostas e novos horizontes agora convertido em um pequeno príncipe. Em cada lugar por onde o garoto passa, enxerga muito além do que nós adultos conseguimos ver. Uma Aviadora que quando criança, fora desencorajada a desenhar; uma rainha que pensava que todos eram seus súditos, apesar de não haver ninguém por perto; uma mulher de negócios se dizia muito séria e ocupada, pois não tinha tempo para sonhar; um geógrafo se dizia sábio, mas não sabia nada da geografia do seu próprio país. A irmã, que fora Aviadora, Rainha, Vaidosa, Contadora de estrelas, agora percebe como cada personagem mostra o quanto as “pessoas grandes” se preocupam com coisas superficiais e não dão valor ao que está diante dos seus olhos. Isso tudo pode ser traduzido por uma frase da Raposa, personagem que ensina ao menino o segredo do amor: “Só se vê bem com o coração. O essencial é invisível aos olhos”.

O Espetáculo

O mundo sob uma nova ótica. Nesse conceito um pequeno príncipe nos convida a olhar com atenção o planeta em que habitamos cheio de maravilhas, monumentos e paisagens indescritíveis. Todos eles revelam segredos quando os observamos com o olhar puro e sensível de uma criança. Antoine de Saint-Exupéry resgatou a criança que existe em cada um de nós, com encanto, ética e beleza. Sua história deixa marcas pela forma simples de suas mensagens de otimismo, simplicidade e amor ao nosso planeta.

A nossa proposta da montagem faz uma releitura da novela O Pequeno Príncipe de Saint Exupéry, publicada em 1943. Se trata de uma das obras literárias mais traduzidas do mundo, tendo sido publicada em mais de 220 idiomas e dialetos.

Nesta montagem, os personagens centrais pertencem ao universo feminino: uma aviadora, uma contadora de estrelas, uma vaidosa, personagens que na novela, sofrem uma crítica social e que transitam exclusivamente pelo universo masculino.

Cada personagem mostra o quanto as “pessoas grandes” se preocupam com coisas superficiais e não dão valor ao que está debaixo dos seus olhos. Será através de um sonho, tendo como cerne a novela O Pequeno Príncipe, que acontecerá a reflexão, para uma resolução positiva, e o pretexto para tratar do tema: “Nós nos entregamos a nossas preocupações diárias, nos tornamos adultos de forma definitiva e esquecemos a criança que fomos”.  A. Saint Exupéry.

A Circulação

Através do Programa de Fomento e Incentivo à Cultura do Governo do estado do Paraná e com o incentivo da Companhia Paranaense de Energia COPEL, este espetáculo circulou por 10 cidades do interior do Paraná com até 50.000 habitantes. Foram 30 apresentações em 20 dias de circulação,  alcançamos mais de 7.000 espectadores, ao longo de 3.000 quilômetros percorridos. 

Nossa turnê se deu pelas cidades de Campina Grande Do Sul, Madirituba, Ipiranga, Tibagi, Laranjeiras Do Sul, Palotina, Guaíra, São Miguel do Iguaçu, Capanema e Rio Negro. Em todas as cidades, prezamos pela acessibilidade e inclusão, e contamos com tradução simultânea para a língua LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais).

As cidades escolhidas para esta turnê, possuem equipamentos culturais, sejam cines, teatros municipais, centros culturais ou casas de cultura, que sem medir esforço, através dos seus departamentos e secretarias de cultura e educação, se empenharam em oferecer a comunidade, uma programação constante de produtos culturais.

Em 60 minutos de espetáculo, e ao longo de 3000 km de percurso, não somente uma história foi vista, também o empenho de um grupo de atores e técnicos apaixonados pelo fazer teatral, que ao lado da iniciativa do Governo do Estado, dedicaram-se com afinco a formar a nova plateia do teatro paranaense!

Ficha Técnica

Adaptação de Texto e Direção: Sandro Tueros
Trilha sonora e Sonoplastia: Luiz Sadaiti 
Cenário: ST Produções Teatrais e Marcelo Salles
Figurinos: Marcelo Salles
Adereços de cena: Máscaras & Fantasias
Projeto de iluminação: ST Produções Teatrais
Voz em off A Serpente: Gabi Borba
Elenco de atores: Douglas Pérez, Victor Carlim e Vivian Maria

Atores registro em foto e vídeo: Lucas Campos e Marina Franchi
Designer Gráfico: Guenia Lemos

Assessoria de Imprensa: Verso.THT Comunicação Arte
Fotos: Thomas Salomão e Odair Rodrigues
Vídeo: Felipe Aufiero Fonseca
Produção e Realização: ST Produções Teatrais
Duração: 60 minutos

Classificação: Livre
Origem: Curitiba - PR

Teatro, pequeno principe
O Príncipe e A Aviadora

“PROJETO APROVADO NO PROGRAMA ESTADUAL DE FOMENTO E INCENTIVO À CULTURA - PROFICE - DA SECRETARIA DE ESTADO DA CULTURA – GOVERNO DO ESTADO DO PARANÁ”

Produzimos cultura, arte e entretenimento em forma de espetáculo!

  • Twitter - Círculo Branco
  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon
  • Branca ícone do YouTube

Curitiba - Paraná - Brasil

ST Produções Teatrais © 2020  I Todos os Direitos Reservados